quinta-feira, 23 de agosto de 2012

VERBO DEFECTIVO



VERBO DEFECTIVO
Quando  um verbo possui conjugação incompleta, ou seja, não  é conjugado em todos os tempos , modos e pessoas, dizemos que é um verbo DEFECTIVO. Exemplo: o verbo extorquir não é conjugado na primeira pessoa do  presente do indicativo  logo não é conjugado no presente do subjuntivo( tempo derivado do presente do indicativo ).
Exemplo: verbo falir
Presente do indicativo
Nós fal-imos
Vós fal- is
Nos demais tempos e modos, os verbos defectivos são conjugados normalmente.
Exemplo de verbos defectivos:
adequar, falir, doer, reaver, abolir, banir, brandir, carpir, colorir, explodir,  demolir, feder, aturdir, esculpir, extorquir,
Observação:
Existem verbos que não são defectivos, porém causam constrangimento ao serem conjugados. Um exemplo disso  o verbo computar. Imagine alguém dizendo “eu computo”, “tu computas,” “ele computa.” Por isso  usamos um auxiliar para conjugá-los, como fazemos com os demais defectivos.  Vou computar,  irei falir, vou explodir, quero reaver, preciso colorir, etc.

Um comentário:

  1. Paz Seja Contigo, irmã Fátima

    Por considerar seu blog com conteúdo e bastante instrutivo, venho convidar-lhe a fazer parte de um blog que recentemente fiz parceria.
    O método é interessante, pois este mesmo divulga uma série de outros blogs por categorias. Ex: Educação - História - Teologia etc...

    Vale a pena conferir

    http://www.educadoresmultiplicadores.com.br/
    http://www.marquecomx.com.br/


    J.C.de Araújo Jorge


    ResponderExcluir