domingo, 20 de julho de 2014

ORIENTAÇÃO DE ESTUDOS




ORIENTAÇÃO DE ESTUDOS 




Projeto – grupo de estudo ENSINO FUNDAMENTAL do 6º ao 9º ano – Profª Antônia de  Fátima Fuini

Introdução
Frequentemente encontramos alunos desmotivados para o estudo, dispersos em sala de aula, desconcentrados, falantes, ou seja, NÃO QUEREM SABER DE ESTUDAR. Essas são algumas  causas do baixo rendimento escolar e da insatisfação pessoal diante dos desafios encontrados  tanto na escola como na vida.

Diante desse quadro, começamos grupos de estudos a fim de ajudar esses alunos a  descobrirem como lidar com a causa desses problemas.

Quem participa?
alunos do 6º ao 9º ano - grupo aberto ou com indicação dos professores -

Objetivos
Diagnosticar cada caso;
levar o aluno a trabalhar:
AUTOMOTIVAÇÃO
- AUTODISCIPLINA
- AUTOCONHECIMENTO;
- entender a diferença entre  VONTADE E NECESSIDADE:
EU QUERO ISSO?
EU PRECISO DISSO?
POR QUE DEVO FAZER OU NÃO FAZER TAL COISA?
QUAIS AS CONSEQUÊNCIAS DOS MEUS ATOS?

ESTRATÉGIAS

Trabalhar com textos motivadores, levando aluno a reconhecer o valor de cada área do conhecimento em cada contexto.
Por que estudar determinada disciplina? Onde aplicar o conhecimento adquirido? 
Fazer perguntas:
Por que  não vou bem numa prova ou não consigo executar alguma tarefa?
Por que não gosto de tal disciplina?
Por que não gosto de estudar?

PERGUNTAS IMPORTANTES
O quê?
Quem?
Por quê?
Quando?
Onde?
Como?
Para quem?
Em que contexto?

  • Textos trabalhados nas duas primeiras aulas do curso


Texto I
Valorize-se

“Tenha cuidado com o que você pensa, pois sua vida é dirigida pelos seus pensamentos”( Provérbios 4:23)
  Rei Salomão 


Texto II
Na carpintaria
Numa carpintaria, as ferramentas resolveram realizar uma assembleia para resolver suas diferenças e pôr tudo em pratos limpos.
O martelo assumiu a presidência. Entretanto, ele foi notificado que teria que renunciar porque fazia muito barulho. O martelo aceitou, mas pediu que também fosse expulso o parafuso, porque ele dava muitas voltas para que servisse para alguma coisa. O parafuso acatou a decisão, mas exigiu que a lixa também saísse, pois era muito áspera e sempre causava atritos. Mas a condição para a lixa sair era que também fosse expulso o metro, pois ficava medindo todo mundo como se ele fosse perfeito!
Nisso chegou o carpinteiro e, utilizando o martelo, o metro, a lixa e o parafuso, finalmente transformou a madeira num lindo móvel.
Quando a carpintaria ficou completamente vazia, a reunião recomeçou. Foi então que o serrote pediu a palavra:
- Senhoras e senhores”, disse ele, parece que ficou demonstrado que todos nós temos defeitos, entretanto o carpinteiro, quando trabalha, utiliza as nossas qualidades. E é isso que nos faz valiosos. Assim, temos que deixar de lado os nossos pontos negativos e nos concentrar nos nossos pontos positivos”.
A assembleia então concluiu que o martelo era forte, que o parafuso unia e dava força, que a lixa aparava as arestas e o metro era preciso e exato.
Sentiram-se então uma equipe capaz! E todos ficaram felizes.

(Adaptado de autor desconhecido)


MÉTODOS DE ESTUDO


“Aquele que despreza o conhecimento é um tolo.”
A..F. Fuini

  Só se adquire hábito de estudo, estudando diariamente, fazendo as tarefas de casa todos os dias, com vontade, atenção e capricho.

 Como proceder:
a) em sala de aula

-   prestar atenção às aulas, pedindo esclarecimentos sempre que forem necessários;

-   ficar atento às perguntas dos colegas.

-   fazer anotações durante a aula;

-   esclarecer todas as dúvidas;

-   corrigir os exercícios, tanto de classe como de casa;

-   manter em dia a agenda.

 b) em casa:
 -   procurar um  local claro, arejado e tranquilo para estudar;

-    ter um horário estabelecido para realizar as tarefas;

 -   concentrar-se com a intenção de aprender e recordar; -     manter em ordem o material escolar;

 -    dividir o tempo de maneira a realizar as tarefas e revisar os assuntos trabalhados no dia;

 -    ler, com atenção, o enunciado dos exercícios, procurando respondê-los e, só depois, conferir suas respostas;

-     rever as tarefas antes de considerá-las prontas.

-     escrever corretamente, com ordem e capricho;

-      no caso de dúvidas, anotá-las, para esclarecê-las na próxima aula;

·       não deixar acumular conteúdos de uma disciplina, pois isso exigirá um esforço desnecessário, além de  ser cansativo e desanimador.

·       nunca deixar para estudar somente um dia antes da prova, pois essa sobrecarga poderá prejudicar o aprendizado;


·          esquematizar os conteúdos  que ouvir em sala e aqueles  que estudar ou pesquisar em casa;

2 comentários:

Turma do MARIO Dica para conjugar 5 verbos terminados em -iar que diferem dos demais com a mesma terminação. M ediar A nsiar ...