domingo, 27 de fevereiro de 2011

CONCORDÂNCIA NOMINAL



Concordância nominal:

Com o próprio nome diz, é a concordância entre nomes, isto é,  CONCORDÂNCIA do adjetivo, do numeral, do pronome adjetivo e do artigo com o Substantivo em gênero e número.  Exemplo:
-  Adjetivo:

Reunião longa - reuniões longas ; notícia alegre - notícias alegres.
- Numeral:
dois meninos; primeiros lugares.
- Artigo:
a passagem aérea - as passagens aéreas; o compromisso assumido - os compromissos assumidos.
Pronone adjetivo
minha bolsa- minhas bolsas

O problema da concordância nominal ocorre quando o adjetivo  refere-se a mais de um substantivo.
Observe estas frases:
Aquele encontro aconteceu  num inoportuno lugar e hora.

Aquele encontro aconteceu num lugar e hora inoportuna.

Aquele encontro aconteceu num lugar e hora inoportunos

 Num lugar e hora inoportunos fica mais claro que o adjetivo refere-se aos dois substantivos.

REGRA GERAL - a partir desses exemplos, pode-se formular o princípio de que o adjetivo anteposto concorda com o substantivo mais próximo. Mas, se o adjetivo estiver  posposto ao  substantivo, além da possibilidade de concordar com o mais próximo, ele pode concordar com os dois termos, indo para o masculino plural se um dos substantivos for masculino.

Um adjetivo anteposto em referência a nomes de pessoas deve estar sempre no plural. Exemplo:
" Visitei as históricas  Ouro Preto e Mariana."


Quando um substantivo determinado por artigo é modificado por dois ou mais adjetivos, podem ser usadas as seguintes construções:

a) Estudo a música brasileira e a portuguesa;
b) Estudo as músicas brasileira e portuguesa;
c) Os  dedos indicador e médio estavam feridos;
d) O dedo indicador e o médio estavam feridos.

No caso de numerais ordinais que se referem a um único substantivo composto, podem ser usadas as seguintes construções:
 Falei com as professoras  do primeiro e segundo ano. OU do primeiro e segundo anos.

CASOS ESPECIAIS
Atenção!
1. Anexo, incluso, obrigado, mesmo, próprio, só   concordam  com o substantivo a que se referem.
a)   A cópia do texto segue anexa.
b)    Anexas seguem  as cópias do texto.
c)   A fotografia vai inclusa.
d)   Muito obrigado, disse ele.
e)   Estou satisfeita, obrigada, disse ela.
f)    Elas mesmas fizeram o almoço.
g)   Eu própria levarei o contrato, disse a secretária.
h)   Eu próprio assinarei os documentos, disse o gerente.
i)    Ele estava só.
j)    Eles estavam sós.
Observação:

 “Mesmo” quando pode ser substituído por até, inclusive, ou quando significa realmente, fica  invariável:
 Mesmo eles ficaram chateados.( até eles)
Os alunos faltaram mesmo. ( realmente)
               

2. Pseudo,  menos e em anexo são expressões invariáveis.
Coloque menos água no arroz.
Em anexo seguem as duplicatas.
Ela é uma pseudo amiga.

Atenção!
Meio e bastante, quando se referem a um substantivo, devem concordar com ele. Quando funcionarem como advérbios, meio e bastante permanecerão invariáveis.
- Tomou meia garrafa de vinho;
- Ela estava meio aborrecida;
- Bastantes alunos foram à reunião;
-  Eles falaram bastante;
- Eram alunas bastante simpáticas;

 
3. Muito, pouco, longe, caro, barato  são adjetivos quando se referem a substantivos, mas podem se referir a verbos e adjetivos , funcionando como advérbios. Nesse caso, ficam  invariáveis.


-  Compraram livros caros. Comprei uma blusa cara.

-  Os livros custaram caro.

- Meu professor tinha  muitos livros.

-  Você fala pouco , mas age muito.

- Andavam por longes terras;

- Eles moram longe da cidade;

-  Eram mercadorias baratas;

-  Pagaram barato por aqueles livros.

- Comemos pouco no almoço.

- Há poucos homens  educados hoje.

4. É bom, é proibido, é necessário - expressões formadas do verbo ser + adjetivo não só variam se o sujeito vier determinado por artigo ou pronome. Caso contrário, a concordância será obrigatória.


-  Água é bom;
-  A água é boa;
- Bebida é proibido para menores;
As bebidas são proibidas para menores;
- Chuva é necessário;
- Aquela chuva foi necessária


Só = somente, apenas, por ser advérbio, não flexiona.
-  Só elas não vieram;( apenas elas)

-  Vieram só os rapazes.( apenas eles)

- Só = sozinho, por ser adjetivo, flexiona.

- Elas vieram sós( sozinhas)

A locução adverbial "a olhos vistos" (= visivelmente) é invariável (ela crescia a olhos vistos).

Os particípios funcionam como adjetivos.

a) A refém foi resgatada do bote;

b) Os materiais foram comprados a prazo;

5. Salvo = exceto não se flexiona

 Salvo nós dois, todos fugiram.

6. Os adjetivos  com valor de advérbios são invariáveis .Exemplo:
Vamos falar sério,  ele e a esposa raro vão ao cinema)

EXERCÍCIOS
Escolha o termo adequado para efetuar a concordância nominal.
1.       Tenho [bastante / bastantes] razões para abandoná-lo.

2.       Estavam bastante preocupados.[bastante/bastantes]

3.       Estas casas custam [caras / caro].

4.       Seguem [anexa /anexas] as faturas.

5.       Água é [boa / bom] para emagrecer.

6.       Ela está  [meio / meia] confusa.

7.       Quando cheguei era meio-dia e [meia / meio].

8.       As meninas me disseram [obrigada / obrigado].

9.       A porta ficou [meia / meio] aberta.

10.    Em [anexo / anexos] vão os documentos.

11.    É [proibido / proibida] entrada de estranhos.

12.   V. Exa. está [enganada / enganado], senhor vereador.

13.    Está [incluso / inclusa] a comissão do vendedor.

14.   Mãe e filho moravam [junto / juntos].

15.    As viagens ao nordeste estão [caro / caras].

16.INSPER 2006
Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacunas do texto abaixo:
É terminantemente _____ entrada de pesssoas alcoolizadas neste ambiente de trabalho. Ainda _____ que
pessoas insatisfeitas com o andamento da empresa, não há motivos _______ para afrontas. Liberdade é
______  respeito também.  Nos comprovantes de pagamento deste mês estão  ______as cópias.
dos documentos requeridos para o cadastramento no programa de demissão voluntária.
a) Proibido, haja, bastantes, necessária, inclusos.
b) Proibida, haja, bastante, necessário, inclusas.
c) Proibida, hajam, bastantes, necessário, inclusas.
d) Proibido, haja, bastantes, necessário, inclusas.
e) Proibida, haja, bastante, necessária, inclusas.

17.GV 2010

Considere a charge



Analisando a charge, é correto afirmar que
I. A troca de uma letra e, consequentemente, de um fonema, é responsável por parte do efeito de humor
do texto.
II. Em “Refém Casados”, há erro de concordância.
III. Supondo que duas pessoas tivessem seus direitos políticos suspensos, uma charge que pretendesse
aproveitar a frase do vidro do veículo não alteraria a primeira palavra e sim a segunda, que seria grafada
da seguinte forma: caçados.
IV. No contexto, não é possível depreender a referência do pronome este em neste estado.

Está correto apenas o que se afirma em
A) I e II.                                   D) I, II e III.
B) II e III.                                 E) II, III e IV.
C) III e IV.


18.Dadas as proposições, todas aceitam mais de uma concordância, EXCETO:
A)  pai e filhas educados (educadas);
B)  o(s) herói(s) José e Rodrigo;
C)  casa e carro novo(s)
D)  livros e revistas velhos (velhas)
E)  homens e mulheres educados (educadas)
19. (UFSC) Marque a única frase onde a concordância nominal aparece de maneira inadequada.
A)  Obrigava sua corpulência a exercício e evolução forçada.
B)  Obrigava sua corpulência a exercício e evolução forçados.
C)  Obrigava sua corpulência a exercício e evolução forçadas.
D)  Obrigava sua corpulência a forçado exercício e evolução.
E)  Obrigava sua corpulência a forçada evolução e exercício.
 20.“O estudo e a experiência ___________ davam-lhe a calma com que resolvia os problemas que os funcionários  lhe _____________”.
A)  acumulados / apresentava.
B)  acumulados / apresentavam.
C)  acumulada / apresentavam.
D)  acumulado / apresentavam.
E)  acumulada / apresentava.
GABARITO AQUI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Turma do MARIO Dica para conjugar 5 verbos terminados em -iar que diferem dos demais com a mesma terminação. M ediar A nsiar ...