quarta-feira, 25 de novembro de 2015

Sintaxe de regência


Sintaxe de regência

TERMO REGENTE E TERMO REGIDO
Termo regente é aquele que exige um complemento ou um adjunto adverbial.

Exemplo:
Regência verbal
Eu confio em Deus. ( confio em quem?) o verbo confiar pede um complemento com preposição OBRIGATÓRIA, chamado OBJETO INDIRETO. Note a presença da preposição EM.

Dormi bem. ( bem: adjunto adverbial de modo).
( O verbo dormir, por ser INTRANSITIVO não rege(pede) um complemento verbal( objeto), mas sim um complemento circunstancial (ADJUNTO ADVERBIAL) de modo( como dormi?)

Regência nominal 
Minha confiança em Deus. ( confiança é substantivo( nome)e "  em Deus"  completa esse nome)

O termo regido é subordinado ao termo regente  mantém uma relação de dependência com ele)
No caso de REGÊNCIA VERBAL com verbo transitivo(necessita de complemento) , o termo regido é chamado de objeto direto( completa o verbo sem preposição obrigatória)  e objeto indireto completa o verbo com preposição obrigatória)
No caso de verbo intransitivo, ( não necessita de complemento)não temos objeto, mas sim adjunto adverbial.

No caso de REGÊNCIA NOMINAL , os termos  regidos são chamados de complemento nominal.

RESUMINDO SINTAXE DE REGÊNCIA:

a. Regência Verbal: termo regente: VERBO.
Termo regido: objeto direto e objeto indireto - com Verbos Transitivos.
 Adjunto adverbial com Verbos Intransitivos.

b.Regência Nominal: termo regente NOME( substantivo, adjetivo e advérbio).
Termo regido: complemento nominal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Junto e separado

Junto e separado O som pode ser o mesmo, mas a grafia e o significado são diferentes. Confira! 1.Porquanto Não me separo de você porqu...